Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Alexandre Ferrari
serra ale
É clássico! É decisão! Vila Nova x Goiás realizam o primeiro jogo da grande final do Campeonato Goiano neste domingo (30), no Estádio Serra Dourada, às 16 horas. Após 12 anos os arquirrivais se encontram para duelarem pelo título do Goianão. O time colorado busca levantar o caneco que não consegue desde 2005. Já o Verdão tenta o tricampeonato.

O Vila Nova vai com dois desfalques para a partida. Geovane recebeu o terceiro cartão amarelo e cumpre suspensão. Fagner está no departamento médico e só estará disponível novamente na próxima partida da final. Assim, o técnico Mazola Júnior deve manter a escalação mais ofensiva, mas com Billy e PH entrando. O provável time colorado é Elisson; Maguinho, Wesley Mattos, Alemão e Jonathan; Billy, PH e Everton; Wallyson, Matheus Anderson e Moisés.

Já o técnico Sílvio Criciúma anunciou que manterá a mesma equipe que jogou a semifinal contra o Atlético, mas desta vez o treinador terá Helder à disposição novamente (o lateral havia sido expulso no primeiro jogo). Assim, o Goiás deve ir a campo com Marcelo Rangel; Hélder, Everton Sena, Alex Alves e Patrick; Victor Bolt, Léo Sena, Tiago Luís, Carlos Eduardo; L[eo Gamalho e Aylon.

Há 12 anos

A última vez que o Vila Nova conquistou o título do Campeonato Goiano foi em dia 17 de abril de 2005, no Serra Dourada, em cima do arquirrival Goiás. A disputa foi decidida em cobranças de pênaltis após o primeiro jogo ficar empatado em 1 a 1, com gol de Marquinhos Paraná para o Colorado e Paulo Baier para o Esmeraldino, e o segundo 0 a 0. Nas cobranças de pênaltis, Vila 3 a 1 Goiás. Depois dessa conquista o time colorado passou os últimos 12 anos sem nem mesmo conseguir chegar a final. De lá até aqui, o Tigre chegou à fase semifinal em seis oportunidades. Em 2006, 2007, 2011, 2012 e 2016 foi eliminado pelo Goiás e em 2010 pelo Santa Helena. Em 2008, 2009, 2013 não conseguiu passar da fase de grupos. Em 2014 foi rebaixado no estadual. Em 2015 foi campeão da Divisão de Acesso.

O mundo dá voltas

No dia 16 de março de 2014 o Vila Nova enfrentou a Aparecidense no Estádio Annibal Batista de Toledo pela 14ª rodada valendo sua sobrevivência na elite do Goianão. O Camaleão venceu a partida em casa por 2 a 0 e afundou de vez o time colorado. Três anos depois, o destino colocou a Aparecidense novamente em seu caminho, mas desta vez valendo a oportunidade que há mais de 12 anos o Tigre não conseguia alcançar. O primeiro jogo da semifinal desta edição do estadual foi no Serra Dourada e o Vila Nova venceu por 2 a 1. No Estádio Annibal Batista de Toledo, mesmo palco de seu rebaixamento em 2014, consagrou o time colorado em um empate de 2 a 2 e que o garantiu na grande final do Goianão.

O tri é logo ali!

Por outro lado, o Goiás tenta conquistar o seu tricampeonato este ano. O time esmeraldino venceu a competição em 2015 diante da Aparecidense e em 2016 em cima do Anápolis, nos pênaltis. O Alviverde já conseguiu este feito em outra oportunidade, no ano de 1996, quando ganhou o Campeonato Goiano cinco anos consecutivos, tendo sua sequência quebrada justamente pelo arquirrival Vila Nova. Esta é a sétima vez consecutiva que o Goiás chega a uma final do Goianão, único time goiano a conseguir esta marca.

Retrospecto

Pelo Campeonato Goiano Vila Nova e Goiás já se enfrentaram em 182 oportunidades. O time colorado já conseguiu a vitória em 42 jogos, já o time esmeraldino saiu com o triunfo 86 vezes. Empates somam 54. Desde 2012 que o Tigre não consegue vencer o Verdão pelo estadual, de lá até aqui os times já se enfrentaram em 11 oportunidades, sendo sete vitórias do Goiás e quatro empates.

FICHA TÉCNICA

Campeonato Goiano: Final – Jogo de ida
Jogo: Vila Nova x Goiás
Data: 29/04/2017
Horário: 16 horas (de Brasília)
Cidade: Goiânia (GO)
Estádio: Serra Dourada

Árbitro: Wílton Sampaio (Fifa)
Assistentes: Fabrício Vilarinho (Fifa) e Leone Carvalho
4º Árbitro: Jefferson Ferreira

VILA NOVA: Elisson; Maguinho, Wesley Mattos, Alemão e Jonathan; Billy, PH e Everton; Wallyson, Matheus Anderson e Moisés. Técnico: Mazola Júnior.

GOIÁS: Marcelo Rangel; Hélder, Everton Sena, Alex Alves e Patrick; Victor Bolt, Léo Sena, Tiago Luís, Carlos Eduardo; L[eo Gamalho e Aylon. Técnico: Sílvio Criciúma.

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757