Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: André Rodrigues / Portal 730
itu x gec
Sem muitos titulares e com forte calor na fronteira, o Goiás visitou o Itumbiara e saiu com um empate em 2 a 2 do Estádio JK. Os gols do Verde foram marcados pelo garoto Thalles e pelo lateral Hélder, já o tricolor marcou com Danilinho e Matheus Magro. Com o resultado, o Esmeraldino chegou aos 23 pontos, 2º lugar geral do campeonato e enfrenta o Atlético na semifinal do Goianão.

O próximo compromisso do Goiás é pela Copa do Brasil, quinta-feira, contra o Fluminense. A partida está marcada para às 21h30 no Estádio Serra Dourada. Já o Itumbiara só volta à campo no dia 21 de maio, quando encara o Audax-SP pela primeira rodada do Brasileirão Série D.

A PARTIDA

O Goiás foi superior durante todo o primeiro tempo, sempre pressionando a saída de bola do Itumbiara. E, em uma dessas fortes marcações, Pedro Bambu roubou a bola, e tocou para Patrick, que fez belo lançamento para Thalles. O camisa 10 do Goiás chutou da entrada da área e abriu o placar no Gigante da Fronteira aos seis minutos.

Mesmo depois do primeiro gol, o time comandado por Sílvio Criciúma continuou pressionando e perdeu grandes chances de ampliar o placar. Primeiro, com o garoto Otacildo aos 15 minutos. O camisa 9 recebe belo lançamento de Aylon e, de frente para o gol, chuta para fora. Cinco minutos depois, é a vez do camisa 18 desperdiçar o gol. O jogador avançou sozinho, tentou driblar Rodrigo Calaça, mas o goleiro ficou com a bola.

O segundo tento esmeraldino só veio no finalzinho da primeira etapa, aos 43 minutos. Após cobrança de falta, a bola sobra para Aylon no lado esquerdo. O atleta rola para David Duarte que chuta cruzado e encontra Hélder, quase debaixo das traves, para marcar de carrinho. O Verde foi para o intervalo com boa vantagem!

No entanto, na volta do segundo tempo, o time da casa busca se recuperar na partida e pressiona o Goiás desde os primeiros minutos. Os três minutos, o artilheiro Gilmar cabeceia rente a trave. Aos 14 minutos, Nadinho, que entrou no lugar de Guto, é derrubado por Hélder na área e ficou pedindo pênalti. O juiz mandou seguir.

Aos 2º minutos da etapa final, mais uma boa chance para o Gigante da Fronteira. Cruzamento rasteiro pela direita, bate-rebate na grande área e a bola quase entra. A zaga esmeraldina afasta e, no rebote, Thiago Dias chutou colocado no lado direito do gol defendido por Marcelo Rangel e bola saiu pela linha de fundo.

Três minutos depois, começou a reação do Itumbiara. Após grande jogada pela direita, Gilmar tocou para Danilinho diminuir o placar: 2 a 1. Após o primeiro gol, o tricolor continuou em busca do empate. Aos 28 minutos, Rangel fez bela defesa em chute de Matheus Magro. Aos 30, Nandinho chutou cruzado, rente à trave.

Com tanto pressão, o time de Luizinho Vieira chegou à igualdade. Matheus Magro recebeu na intermediária e arriscou. A bola quicou e enganou o goleiro Marcelo Rangel: 2 a 2 aos 36 do 2º tempo. Aos 44, o meia Juan fez falta na entrada da área e recebeu amarelo. Por reclamação, acabou sendo expulso. Na cobrança, Danilinho acertou o travessão e, por pouco, não virou a partida.

HERÓI X VILÃO?

O goleiro Marcelo Rangel, mais um vez, foi um dos destaques da partida. O camisa 1 do Goiás fez, pelo menos, 3 grandes defesas que evitaram que o esmeraldino voltasse para Goiânia com uma derrota na bagagem. Porém, no chute de fora da área de Matheus Magro, a bola quicou e o goleiro não conseguiu fazer a defesa. Para muitos, Rangel falhou no gol de empate do tricolor.

SEMIFINAIS

Na semifinal, o Goiás, segundo colocado na classificação geral, encara o Atlético, que terminou na terceira colocação. O esmeraldino chegou aos 23 pontos com o empate diante do Itumbiara, já o Dragão alcançou 22 com a vitória diante do Goiansia. Mesmo com a derrota por 2 a 1 para o Anápolis, no Estádio Annibal Batista de Toledo, a Aparecidense manteve a liderança do Goianão com 25 pontos, e encara o Vila Nova na semifinal.

REBAIXADOS

O CRAC teve o seu rebaixamento confirmado na última rodada ao perder para o Iporá, em casa, por 1 a 0. Goianésia e Anápolis entraram em campo neste domingo (9), para definir quem ocuparia a outra vaga para a segunda divisão. O Azulão do Vale até saiu na frente diante do Dragão, mas ao ter Dinei expulso ainda no começo do segundo tempo, viu a situação se complicar e acabou perdendo por 4 a 2. O Anápolis venceu a Aparecidense por 2 a 1. Assim, Crac e Goianésia foram os rebaixados para a segunda divisão do Campeonato Goiano.

FICHA TÉCNICA:

Campeonato Goiano: 15º rodada
Jogo: Itumbiara 2x2 Goiás
Data: 09/04/2017
Horário: 16h00
Estádio: JK
Cidade: Itumbiara (GO)
Público: 10.000
Renda: R$ 200.000,00
Gols: Goiás: Thalles (6’ 1ºT), Hélder (43’ 1ºT); Itumbiara: Danilinho (23’ 2ºT), Matheus Magro (36’ 2ºT)
Cartões Amarelos: Aylon, Juan, Jefferson (Goiás). Macelo Labharte e Nadinho (Itumbiara).
Cartão Vermelho: Juan (Goiás)

Árbitro: Elmo Resende
Assistente 1: Adaílton Fernando
Assistente 2: Tiego dos Santos

ITUMBIARA: Rodrigo Calaça; Douglas, Ricardo (Diego Paulista), André Ribeiro, Bruninho; Mateus Magro, Thiago Dias, Marcelo Labarthe (Danilinho) e Guto (Nandinho); Gilmar, e Vanilson. Técnico: Luizinho Vieira.
GOIÁS: Marcelo Rangel; Helder (Rezende), Everton Sena, David Duarte, Jéfferson; Pedro Bambu, Patrick, Thalles (Jean Carlos); Jarlan (Juan), Aylon e Otacildo. Técnico: Silvio Criciúma.

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757