Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Divulgação
iporaxvilanova
Na noite desta quarta-feira (22), o Vila Nova venceu o Iporá no estádio Ferreirão, pelo placar de 1 a 0. O gol do Tigre foi anotado pelo meia Everton. A partida ficou marcada por conta de um apagão que teve durante a primeira etapa. O jogo ficou parado por mais de 20 minutos, mas o árbitro Wilton Sampaio reiniciou o duelo mesmo com a iluminação funcionando parcialmente. 

Com os três pontos conquistados nesta 11º rodada, o Vila Nova dá um grande passo para assegurar uma vaga nas semifinais do Campeonato Goiano. O tigre chegou aos 20 pontos e permanece na vice-liderança do Grupo A. O Iporá permanece na terceira colocação do Grupo A com 11 pontos, mas pode ser ultrapassado pelo Itumbiara, caso o Gigante da Fronteira vença o Iporá no domingo (26). 

O próximo compromisso do Vila Nova no Campeonato Goiano é contra o arquirrival Goiás. O maior clássico do futebol goiano acontece no domingo (26), no estádio Serra Dourada às 16 horas. A equipe do Iporá visita o Itumbiara, no estádio JK, também no domingo (26) às 16 horas.  

A partida 

O primeiro tempo da partida começou muito truncado no meio de campo, com faltas duras cometidas por ambos os lados. O Vila Nova, jogando de forma mais ofensiva com três atacantes, mostrou superioridade nas jogadas de ataque. Aos sete minutos, após linda jogada individual de Moisés, o atacante cruzou a bola na marca do pênalti para Everton, que pegou de primeira e abriu o placar no estádio Ferreirão com um lindo gol.

A partida seguiu muito movimentada, mas o Vila Nova mostrou tranquilidade em administrar o placar e foi superior no decorrer do jogo. Everton entrou muito bem, além de marcar o gol, fez belas jogadas pelo meio e ainda colocou bola na trave. O time colorado teve várias oportunidades em ampliar a vantagem ainda no primeiro tempo, mas o goleiro Clériston se destacou realizando grandes defesas. O Iporá não conseguiu nenhuma jogada que levasse real perigo ao gol de Elisson. 

No segundo tempo, o Iporá voltou um pouco melhor, conseguindo levar pressão à defesa colorada e fazendo Elisson trabalhar na partida. O Vila Nova recuou e tentou jogadas de contra ataque para tentar ampliar o placar. A equipe da casa começou a gostar da partida e jogou até mesmo bola na trave. Por outro lado, o Tigre também conseguiu boas oportunidades. Mateus Anderson teve três chances de liquidar a partida, mas não conseguiu.

Moisés voltou bem melhor no jogo e se mostrou muito a vontade para fazer jogadas e tentar chutes que levaram muito perigo ao gol de Clériston, que fez uma excelente partida. Aos 30 minutos, o técnico Mazola Júnior tirou Everton e colocou Fagner, com isso, o time colorado caiu de produção pelo meio de campo e recuou para administrar o placar de 1 a 0. 

APAGÃO 

A partida entre Iporá e Vila Nova estava marcada inicialmente para as 15h30 desta quarta-feira porque o estádio não contava com iluminação necessária para realizar jogos durante a noite. Mas um sistema de iluminação foi instalado no estádio e o clube pediu para mudar  horário da partida e inaugurar a nova iluminação. Aos 30 minutos do primeiro tempo, o gerador de um dos postes de luz pegou fogo e a iluminação caiu totalmente. A arbitragem parou o jogo e em poucos minutos uma forte fumaça tomou conta do campo. Após apagar o incêndio, a iluminação voltou parcialmente, mas o juiz decidiu reiniciar a partida mesmo assim. O duelo ficou parado por cerca de 20 minutos. 

Mudanças que deram certo

O técnico Mazola Júnior entrou com três mudanças na partida desta quarta-feira contra o Iporá. No gol, tirou Wendell e colocou Elisson. No meio de campo, Fagner deu lugar à Mateus Anderson e Hiroshi saiu para entrar Everton. Jogando de forma mais ofensiva, com três atacantes, o Vila Nova conseguiu fazer uma boa partida, criar boas jogadas, aumentou o número de chutes ao gol e o meio de campo ficou mais organizado. Após a partida contra a Aparecidense, o técnico Mazola já havia dado sinais de que mudaria o esquema tático da equipe. A saída de Hiroshi se deu principalmente por conta do pênalti desperdiçado na partida contra a Aparecidense na última rodada, a torcida ficou na bronca com o jogador. Com as mudanças neste jogo, ficou claro que a titularidade no Vila Nova pela camisa 10 está em aberto. 

FICHA TÉCNICA    

Campeonato Goiano: 11ª rodada    
Jogo: Iporá 0 x 1 Vila Nova     
Data: 22/03/2017    
Horário: 19h30 horas (de Brasília)    
Cidade: Iporá (GO)    
Estádio: Ferreirão    

Cartões amarelos: Geovane, Walysson, Moisés e Maguinho (Vila Nova); Rodrigo Milanéz, Paulo Henrique e Abner (Iporá) 

Gols: Everton (7'|1ºT), para o Vila Nova.

Árbitro: Wílton Sampaio (Fifa)  
Assistentes: Edson Antônio e Cleyton Pereira   
4º Árbitro: Jean Carlos Narciso  

VILA NOVA: Elisson; Maguinho, Wesley Mattos, Alemão, Patrick; PH, Geovane, Mateus Anderson e Everton (Fagner); Moisés e Walysson (Foguete). Técnico: Mazola Júnior. 

IPORÁ: Cleriston; Lucas Mendes, Rodrigo Milanéz, Márcio Luiz e Ari (Caio); Wesley, Everton Luiz, Vinicius Leite e Rodrigo Alves; Yago (Paulo Henrique) e Abner (Damião) . Técnico: Éverton Goiano. 

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757