Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Nathália Freitas / Portal 730
Capturar 0
No último domingo (08), o Trindade, sensação do futebol goiano na 48ª Copa São Paulo de Futebol Júnior, se classificou para a 2ª da competição nacional, ficando na segunda colocação do Grupo 21, com seis pontos, dois a mais que o terceiro colocado São Bernardo. A classificação do Tacãozinho foi uma surpresa? Não para o técnico Rafael Miranda.

“Pelo projeto que o Trindade tem, a estrutura que foi montada, o planejamento que foi iniciado em julho, eu já esperava a classificação. Quando você se planeja e se organiza, o resultado é consequência”, afirma o treinador.

Na 2ª fase o Trindade irá enfrentar o Bragantino, na próxima quarta-feira (09), às 18h, no Estádio Municipal Francisco Ribeiro Nogueira, em Mogi das Cruzes-SP. Vencido pelo cansaço, o técnico do Tacãozinho ainda não estudou o oponente, algo que deve acontecer apenas nesta terça-feira (10).

“Ainda não comecei o trabalho de análise do adversário. Estou atrás do material das três partidas do Braga. Estou muito cansado, assim como todo o grupo. Nesta terça vamos fazer uma análise completa do Bragantino”, ressalta Rafael.

Em três jogos, o Trindade conquistou seis pontos com duas vitórias. Sua única derrota foi para o Bahia, atual vice-campeão do Brasileirão da categoria. O Tricolor de Aço terminou na primeira colocação, com sete pontos.

“O grande destaque é o conjunto, o grupo. Às vezes pode até ser demagogia falar assim, mas é. Um exemplo: nosso ataque está sendo tão elogiado e ainda não marcou nem um gol. Os artilheiros do nosso time são os dois zagueiros. Então nosso forte é o conjunto”, afirma.

Rafael Miranda iniciou sua carreira na escolinha de futebol do Atlético, clube onde trabalhou por seis anos. Lá, Rafael conquistou quatro títulos goianos (um pelo sub-12, outro pelo sub-13 e dois pelo sub-15). Na sequência, teve uma passagem rápida pelo Jardim América, por cerca de seis meses, e logo foi contratado pelo Vila Nova para comandar o sub-15. No Tigrinho, permaneceu por um ano. Por fim, Rafael foi contratado pelo Trindade, clube onde está há um ano.

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757