Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Reprodução PFC
vitoriaxacg.divulf
Vitória e Atlético empataram em 1 a 1 no estádio do Barradão, em partida válida pela 31ª rodada do Brasileiro Série A. Resultado que não foi bom para nenhuma das duas equipes. O time atleticano saiu na frente com gol de Luiz Fernando, mas no segundo tempo tomou o empate com José Welison. O grande destaque do Dragão foi o goleiro Marcos que defendeu mais um pênalti e evitou a derrota do Atlético.

O JOGO

O Atlético mostrou no primeiro tempo porque se impõe fora de casa. Com 10 minutos de jogo a equipe rubro-negra goiana já abria o placar após bela assistência de Walter para Luiz Fernando que fez seu 5º gol no segundo turno e 6º no Campeonato. O Vitória buscou empatar, mas as bolas de longe não passaram pelas belas defesas de Marcos. Walter ainda teve chance de ampliar após belo passe de Andrigo. Atlético bem superior aos donos da casa na primeira etapa.

O Vitória é o pior mandante do Brasileiro, por conta disso a equipe de Mancini voltou determinada para o segundo tempo buscando a vitória. Com as entradas de Kieza e José Welison o time ficou mais ofensivo. O time do Atlético jogou mais recuado como nos jogos fora de casa e buscavam ampliar nos contra-ataques. A equipe baiana com Uilliam Correia tentava de longe empatar, em uma delas tirando tinta das traves de Marcos. O goleiro atleticano fez milagre, porém uma única bola passou por ele. Welison de longe chutou, desviou no meio do caminho antes de entrar no fundo das redes. Após o gol, o juiz marcou um pênalti polêmico a favor do Vitória. Tréllez bateu bem, mas Marcos foi melhor, buscando a bola no canto. Nos minutos finais as duas equipes atacavam buscando o gol da vitória, mas ficou nisso no Barradão, 1 a 1.

SÃO MARCOS

Se um jogador vem sendo destaque no Atlético apesar dos resultados ruins, esse cara é o goleiro Marcos. Na partida diante do Vitória ele fez, pelo menos, quatro lindas defesas e evitou que a equipe rubro-negra voltasse sem pontos para Goiânia. O goleirão ainda defendeu pênalti cobrado por Tréllez, buscando a bola no canto. Não é de hoje que ele vem sendo importantíssimo no time atleticano.

COMO FICA?

Com o empate, a situação fica ainda mais complicada para o Atlético. Com 27 pontos, precisa vencer todos os jogos para permanecer na Série A. Na próxima rodada o Dragão enfrenta a equipe do São Paulo, no Serra Dourada. Já o Vitória que também se encontra na zona de rebaixamento, com 34 pontos, assume a vic-lanterna. No próximo domingo, encaram o Vasco, no Rio de Janeiro.

 

FICHA TÉCNICA

Campeonato Brasileiro da Série A – 31ª rodada   
Jogo: Vitória 1 x 1 Atlético    
Data: 29/10/2017   
Horário: 18 horas (de Brasília)    
Estádio: Barradão

Árbitro: Luís Flávio de Oliveira – FIFA (SP)   
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis– FIFA (SP) e Miguel Caetano Ribeiro da Costa (SP)    
4ª árbitro: Gustavo Rodrigues de Oliveira (SP)

Vitória: Caique; Caique Sá (Patric), Fred (José Welison), Wallace, Juninho; Ramon, Yago, Ulliam Correia; David, Neilton (Kieza) e Tréllez. Técnico: Vagner Mancini.

Atlético: Marcos; Marcão Silva, William Alves, Gilvan, Bruno Pacheco (Breno Lopes); André Castro, Paulinho, Andrigo, Jorginho (Igor Henrique), Luiz Fernando; Walter (Diego Rosa). Técnico: João Paulo Sanches

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757