Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Paulo Marcos / ACG
adson.paulomarcos 001
Desde que chegou ao Atlético o volante Ronaldo, que veio por empréstimo do Flamengo até o final do ano, vem recebendo chuva de elogios. O jogador realizou seu primeiro jogo como titular com a camisa do Dragão diante da Ponte Preta e foi muito bem em campo, além de ser premiado com um belo gol de fora da área que sacramentou o triunfo por 3 a 1, fora de casa.

Não só o técnico João Paulo Sanches, como também o diretor de futebol e vice-presidente executivo, Adson Batista, vem falando da qualidade técnica do jovem de 20 anos. Pouco aproveitado no elenco valioso do Flamengo, o clube carioca resolveu emprestá-lo para ganhar ritmo de jogo. Mas o maior beneficiado vem sendo o Atlético. Adson Batista voltou a elogiar Ronaldo.

“Estava tentando trazer o Ronaldo desde o começo do ano, conhecemos o jogador, é de altíssimo nível. Vou falar algo que um dia vocês podem cobrar de mim: o Ronaldo ainda vai jogar na Seleção Brasileira. Jogador de alto nível, tem caráter, fundamentos um pouco acima da média. O Flamengo entendeu que dar uma seqüência à ele aqui é importante para ser titular no clube no futuro”, afirmou.

Em várias oportunidades, Adson Batista elogiou alguns jogadores específicos que vem surpreendendo no elenco rubro-negro, mostrando um grande futebol e colaborando em maior peso para esta reação no segundo turno. Paulinho, Gilvan e Andrigo estão entre eles. Com a maioria dos contratos tendo validade até o fim deste ano, Adson não revelou nomes, mas admitiu que já iniciou conversas de renovação.

“Temos alguns jogadores que estamos conversando, observando. Já iniciamos as conversas, alguns atletas já sabem do nosso interesse por conta da enorme competitividade, mas sabemos que isso vai ocorrer sempre. O Atlético tem particularidades que alguns atletas que estão jogando aqui em alto nível, não jogaram em outros clubes: nosso clube é tranqüilo, oferece boas condições de trabalho, blindamos o grupo e o cara tem um ambiente favorável. E o jogador avalia isso para tomar essa decisão”, destacou.

Com a terceira melhor campanha neste segundo turno (duas vitórias, um empate e uma derrota), o Atlético enxerga vivo o sonho de permanecer na Série A do futebol brasileiro. Adson elogiou a equipe de jogadores e disse que vê o time mais vivo do que nunca no campeonato.

“Se conseguirmos manter essa regularidade, vamos surpreender. É um detalhe importantíssimo, temos que trabalhar isso que é algo positivo. Infelizmente, com a nossa condição financeira, deixamos para montar nosso time muito em cima, mas só ajustamos agora e isso fez falta demais. Vivo com um grupo profissional e de muita entrega. Tento dar sustentação e respaldo à comissão técnica e jogadores, pago em dia. Às vezes ficamos frustrados demais com algumas derrotas, mas hoje vejo o Atlético vivo”, finalizou.

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757