Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Divulgação
yago
O atacante Yago Amaral, de 25 anos, vem fazendo uma excelente temporada. O jogador, que é do Atlético, foi emprestado ao Iporá para o Campeonato Goiano e foi um dos grandes destaques no clube para se manter na primeira divisão. O atacante foi o artilheiro do time com três gols.

Com o fim do Goianão, o jogador foi emprestado novamente, mas desta vez ao Goiânia para disputar a Divisão de Acesso, e até aqui não vem decepcionando. Yago ajudou o time a se classificar para as semifinais e, mais uma vez, é artilheiro da equipe com 5 gols. O atacante tem vínculo com o Atlético até o final do ano e não descarta a possibilidade de voltar a atuar com a camisa rubro-negra.

“Com a saída do Everaldo e do Viçosa e a fase boa que estou vivendo fazendo gol, espero sim ter a oportunidade. Jogar uma Série A todo mundo quer, mas vou seguir trabalhando, fazendo gols para ser visto”, afirmou o jogador em entrevista ao repórter Arthur Magalhães, da Rádio 730.

Yago revelou viver de metas e, no momento, a sua maior é ser o artilheiro da Divisão de Acesso, tarefa que não vai ser fácil, já que seu concorrente é o experiente Nonato que somou até aqui nove gols.

“Fiz dois gols no último jogo, ajudei o Goiânia a classificar para as semifinais e agora é trabalhar, tenho que buscar fazer mais gols para tentar alcançar o Nonato, tarefa que não vai ser fácil, mas seguirei trabalhando”, declarou.

Uma das conquistas que Yago lembra com muito carinho é o Troféu Bill que conquistou durante o Campeonato Goiano deste ano. O troféu premia o jogador que foi autor do gol mais bonito da competição de acordo com a Federação Goiânia de Futebol em parceria com a Rádio 730. O atacante destacou que o segredo para uma temporada tão marcante é dedicação e também harmonia no grupo em que trabalha.

“Tive uma passagem muito boa pelo Iporá, fui artilheiro do time lá também e consegui fazer o gol mais bonito do Campeonato Goiano. Isso é trabalho e dedicação, tive uma oportunidade e me destaquei, assim como aqui no Goiânia. O grupo é maravilhoso, incentiva, apoia e só temos a vencer”, finalizou.

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757