Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Divulgação
everaldo
O atacante Everaldo foi o grande destaque do triunfo atleticano sobre o Avaí, no Estádio Olímpico, na noite desta quarta-feira (14). O atacante marcou dois, dos três gols rubro-negros, garantindo a vitória e o adeus à zona de rebaixamento após sete rodadas. Com a boa atuação, o jogador foi um dos maiores pontuadores no Cartola FC (fez 21.10 pontos) e comemorou a boa atuação, já que também se escalou. 

"O Cartola é uma febre. Todo mundo fala, até meus amigos antes dos jogos brincam e pedem para eu mitar porque me escalaram. Eu também me escalei, não sou bobo, estou confiante. Acho legal, é uma brincadeira legal. Vou procurar cada vez mais estar pontuando e mitando em todos os jogos", brincou. 

Everaldo também comentou sobre a boa fase que vem tendo com a camisa rubro-negra. O atacante chegou ao Dragão em abril e, até o momento, é o artilheiro do Atlético com quatro gols marcados no campeonato.   

"Trabalhamos para isso, para dar nosso melhor e conquistar o resultado. Felizmente isso tem acontecido nos dois últimos jogos em casa, contra o Cruzeiro acredito que também fomos bem, mas infelizmente os pontos não vieram. Mas é manter a mesma pegada, disposição, postura que os resultados vão aparecer", afirmou. 

Com o ex-treinador, Marcelo Cabo, Everaldo estava sendo usado mais pelos lados e tendo a função de marcar de forma mais intensa. No jogo contra a Ponte Preta, em que o Dragão venceu por 3 a 0, Everaldo foi escalado pelo auxiliar Sanches como centroavante, e deu certo. Esquema esse que também foi mantido pelo novo comandante, Doriva. O atacante afirmou ter encontrado seu jeito de jogar no Atlético. 

"Sou um jogador que jogo tanto pelos lados como centroavantes. Mas aqui encaixou mais a segunda opção, estou me sentindo bem melhor, não que antes não me sentia bem, mas agora estou mais perto do gol e deu muito certo. Estou bem tranquilo, disposto a fazer aquilo que é proposto e quero dar sequência ao trabalho", finalizou. 

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757