Foto: Gilvan de Souza / Flamengo
gilvandesouza.flamengo
O Atlético estreou pela Copa do Brasil na noite desta quarta-feira (10), contra o Flamengo, no Maracanã, e conseguiu segurar o empate por 0 a 0. O Dragão não se intimidou por jogar fora de casa perante um grande público (quase 34 mil presentes), e mostrou muita raça e forte marcação. A classificação está em aberto e vai ser definida no jogo da volta, dia 24, no Estádio Serra Dourada.

O próximo compromisso do Dragão é pelo Campeonato Brasileiro da Série A. O time rubro-negro estreia na competição na próxima segunda-feira (15), contra o Coritiba, às 20 horas no Estádio Couto Pereira, em Curitiba.

A partida

No primeiro tempo o Flamengo dominou o jogo, mas a marcação do Atlético foi muito efetiva. O rubro-negro carioca teve dificuldades de se infiltrar na defesa atleticana, as duas vezes que conseguiu chegar com mais perigo, Kléver se destacou fazendo grandes defesas. O Dragão soube se defender, mas não deixou de atacar. Buscou o jogo nos primeiros minutos, sempre tentando explorar a jogada aérea e os chutes de fora da área. No final dos primeiros 45 minutos, o Atlético ainda conseguiu chegar com perigo após bola alçada na área, mas Viçosa não conseguiu pegar em cheio e a primeira etapa terminou com o 0 a 0 no placar.

No segundo tempo o Atlético voltou bem mais ofensivo e buscando o jogo. Os chutes de fora da área continuaram sendo o ponto principal do time, mas não levaram grande perigo ao gol de Muralha. O Flamengo voltou abaixo do esperado, mais recuado e sem conseguir se infiltrar tanto na defesa atleticana como no primeiro tempo. Apesar dos donos da casa ter maior posse de bola, faltou qualidade nos últimos passes. O Atlético seguiu marcando muito bem e depois dos 30 minutos passou a tentar segurar o resultado, já que um empate fora de casa contra o atual campeão carioca não é tão ruim. O Dragão ainda teve uma chance clara de gol com Valterson aos 40, mas o jogador não pegou bem na bola e chutou para fora. O Atlético terminou o jogo sem nenhuma substituição.

Bom começo

Apesar de não ter conseguido o triunfo, o Atlético mostrou forte marcação e muita garra para conseguir segurar a pressão do Flamengo em pleno Maracanã. Além disso, o rubro-negro goiano segurou a pressão do público total de 33.161 apoiando o      Urubu. O Atlético mostrou também um excelente preparo físico, já que jogou os 90 minutos sem alterações e com uma forte marcação. Lembrando que a equipe do técnico Marcelo Cabo teve 16 dias de preparação para sua estreia no torneio nacional.

Estreias

O Atlético teve cinco estreias nesta Copa do Brasil: o lateral Eduardo; os volantes Marcão e Igor; e os atacantes Walterson e Everaldo. Apesar do Dragão ter realizado nove contratações após ser eliminado do Campeonato Goiano, apenas esses cinco jogadores foram inscritos a tempo para participarem das oitavas de final da competição. Caso o Atlético passe de fase, os outros poderão ser inscritos para jogarem também. Lembrando que Walter não pode jogar o torneio com a camisa rubro-negra, já que jogou uma partida pelo Goiás no começo do ano.

Pela primeira vez...

Esta foi a primeira vez que Atlético e Flamengo se enfrentaram pela Copa do Brasil. E o Dragão pode considerar que teve um bom começo, já que jogou em um Maracanã com bom público e mostrou muita raça para segurar o atual campeão carioca. Ao todo, Atlético e Flamengo já se enfrentaram oito vezes com sete vitórias para o Urubu e apenas uma para o Dragão.

Para fazer história

Esta é a 11ª vez que o Atlético participa de uma edição da Copa do Brasil. Mas o time rubro-negro ainda não conseguiu levantar o caneco da competição nacional. O mais longe que o Dragão chegou foi à semifinal, em 2010. Nesse ano, o Atlético eliminou times como Bahia, Santa Cruz e Palmeiras, nas quartas. Mas na semi, o Dragão foi parado pelo Vitória. O Atlético chegou a ganhar o primeiro jogo por 1 a 0, em casa, mas perdeu o segundo por 4 a 0, fora. Esta é chance do Atlético tentar um novo feito após a conquista da inédita Série B em 2016: o título da Copa do Brasil.

FICHA TÉCNICA

Copa do Brasil:  Oitavas de final  
Jogo: Flamengo 0 x 0 Atlético   
Data: 10/05/2017   
Horário: 19h30 horas (de Brasília)   
Estádio: Maracanã  
Cidade: Rio de Janeiro

Árbitro: Jean Pierre Goncalves Lima - RS 
Assistentes: Jose Eduardo Calza - RS e Lucio Beiersdorf Flor - RS   
4º Árbitro: Rodrigo Nunes de Sa - RJ

ATLÉTICO: Kléver; Eduardo, Ricardo Silva, Roger Carvalho E Bruno Pacheco; Marcão, Igor, Jorginho, Walterson E Everaldo; Júnior Viçosa. Técnico: Marcelo Cabo.

FLAMENGO: Alex Muralha; Rodinei, Juan, Rafael Vaz e Renê; Ronaldo, Cuellar, Lucas Paquetá e Matheus Sávio (Ederson); Gabriel (Pará) e Damião (Vizeu). Técnico: Zé Ricardo.

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757