Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Divulgação/Atlético CG
willians atletico
Com o título da Série B, o Atlético acabou sofrendo um desmanche e perdendo seus principais jogadores para esta temporada. Um dos setores mais afetados foi o meio campo, onde quem se destaca neste começo de Campeonato Goiano é Willians. O jogador estava no Japão e assinou com o Atlético até o fim de 2017. No último ano, foi reserva no clube japonês, mas  a sequência de jogos com a camisa rubro-negra esta contribuindo para ele se destacar no Goianão.

“Ainda vejo um crescimento, fiquei muito tempo no Japão, onde ia para os jogos e entrava faltando  15 minutos. Aqui já foram cinco partidas –contado os amistosos-, então o corpo vai reagindo melhor, já estou conseguindo fazer algumas jogadas e conseguindo me destacar. Tenho certeza que vou melhorar a cada dia, dar alegria ao torcedor e fazer gols”, destaca o jogador.

Muitos atletas têm dificuldade de se readaptar ao futebol brasileiro quando jogam por muito tempo no futebol do exterior. Willians ficou fora do Brasil um ano e meio e não teve essa dificuldade. “Está sendo até uma surpresa, fui muito bem recebido e isso facilitou demais. Estou me sentindo muito bem. Um ano e meio não é muito tempo jogando fora, quando você passa cinco anos, você sente mais, por isso me adaptei bem”.

O Atlético não começou bem o Campeonato Goiano. Foram duas derrotas em três partidas e, apesar de ter perdido os dois clássicos – para Vila Nova e Goiás, ambos por 1 a 0-, Willians não vê o rubro-negro atrás dos rivais.

“Com todo o respeito ao Vila e o Goiás, perdemos os dois clássicos por causa de pênaltis. Se for fazer uma análise, nossa equipe criou mais, principalmente contra o Goiás. Tivemos mais chances e infelizmente a bola não entrou. Não os vejo na nossa frente, são duas grandes equipes, mas o Atlético vem desempenhando um bom futebol”, afirma o meia.

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757