Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

(Imagem: Reprodução/ACG)
cabo no treino 1 acg
Qual a melhor forma de começar um final de semana de clássico? Para o técnico Marcelo Cabo, do Atlético Goianiense, foi recebendo uma notícia que ele poderá, em breve, contar com uma das principais promessas da equipe. O comandante atleticano, durante coletiva, explicou como ocorreu o processo de recuperação do meio-campista Luiz Fernando, que se lesionou no duelo contra o Vila Nova, mas de forma surpreendente se recuperou a tempo, no entanto, por decisão técnica, ele ainda não entrará em campo.

“Na última terça recebemos o relato do médico do clube, onde havia várias possibilidades depois dos primeiros exames, dentre elas a de recuperação do atleta. Ele (Luiz Fernando) estava com muita dor no domingo e na segunda, mas no dia seguinte houve uma melhora, que continuou durante a semana. O Luiz hoje está recuperado. Preciso parabenizar os departamentos médico e de fisioterapia”, declarou.

Cabo aproveitou para lembrar as dificuldades que encontrou durante o duelo contra o Iporá, na última rodada do Campeonato Goiano. O treinador vai contar com outros dois reforços para o clássico diante do Goiás: Wanderson e Silva, que foram regularizados pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) no Boletim Informativo Diário (BID).

“No último jogo eu estava sem cinco jogadores importantes, isso faz a gente remontar todo um processo e isso demanda tempo. Tivemos uma importante vitória contra o Iporá e espero contar com os três reforços, o que melhora muito as opções. Ainda temos uma longa estrada para uma formatação de uma equipe que chegue a excelência”, comentou Cabo.

O treinador do Atlético fez questão de parabenizar o centroavante Junior Viçosa, que completou 100 jogos com a camisa do Dragão. Cabo aproveitou a oportunidade para revelar uma meta pessoal: alcançar também aos 100 jogos no comando do clube rubro-negro.

“Parabéns ao Junior (Viçosa), a história dele fala por si só. Espero receber minha homenagem no centésimo jogo, é um projeto pessoal. O Junior merece, por tudo o que ele fez, por tudo o que ele entrega a esse clube. Parabéns ao Atlético por chegar a essa marca e que ele (Viçosa) atinja muitas outras marcas, porque ele é trabalhador e merecedor de tudo isso”, celebrou Cabo.

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757