Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Assessoria/Atlético CG
ricardo silva coletiva 1 comun acg
Se o ano já não começou muito bem para o Atlético, a situação de Ricardo Silva aparenta estar ainda pior. O zagueiro cometeu o pênalti que deu a vitória ao Vila Nova na tarde deste sábado (28). Além disso, no final da partida, em uma divida com o atacante Wallyson, Ricardo sentiu um estralo no joelho esquerdo na queda e precisou ser atendido e, consequentimente, deixar a partida.

“Falei com o doutor que me examinou. Nessas horas, pessoas externas procuram passar tranquilidade, mas eu conheço meu corpo. Senti o estralo e até tentei voltar, mas o joelho não deixou. É nesse momento que temos que exercer a fé e pedir a Deus que seja feita a vontade dele”, afirma.

Ricardo lamentou a derrota e o mal começo de temporada que o Atlético vem apresentando. Porém, continua acreditando no elenco rubro-negro. O zagueiro aproveitou para fazer a “promessa” de que o clube vai dar a volta por cima deste mal começo de ano e ainda vai trazer muitas alegrias ao torcedor do Dragão.

“Derrota sempre dói. Nosso time mais uma vez foi superior, mas tenho certeza que a rapaziada está no caminho certo. Às vezes as pancadas vêm, mas vamos nos fortalecer. Vai ficar gravado pra quem está lendo: esse time vai dar a volta por cima e vai trazer muitas alegrias”, crava o zagueiro.

Ricardo antes da entrevista ao repórter Geninho, admitiu para o mesmo que não estava com a cabeça muito bem. Ele foi questionado se o motivo disso seria a lesão ou o pênalti cometido na segunda etapa.

“Foi por conta da lesão, o pênalti eu posso dar a volta por cima e amanhã acabar fazendo dois gols, mas quando algo te impede de dar a volta por cima é o que nos deixa mais triste, a cabeça é por causa da lesão, o pênalti acontece, não foi o primeiro e não vai ser o último, nós estamos sujeito a erro”, afirma.

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757