Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Filé ao molho de mostarda com risoto de queijo coalho
Filé Mostarda
É praticamente impossível pensar em boa comida sem se render aos prazeres da carne. Literalmente. Em seus mais diferentes cortes e preparos, ela atrai os sentidos... Primeiro comemos com os olhos... O aroma potencializa o desejo... E o paladar... Ah, essa é a melhor parte! Quando o prazer se completa ao saborear o prato perfeito!

Atendendo à sugestão dos colegas de redação, hoje vamos de carne aqui no Toque Gourmet. E a minha dica é um prato que, sempre que faço, todo mundo adora! Sofisticado, sem ser caro. Requintado, sem dar trabalho. O corte escolhido para esta postagem é o filé mignon. Bem macio, ele é perfeito para fazer rosbifes, estrogonofes e outras delícias. Então, escolha ingredientes de boa qualidade e aposte nesta receita se quiser impressionar!

FILÉ AO MOLHO DE MOSTARDA

Ingredientes:

1 kg de filé mignon

Sal e pimenta a gosto (eu costumo incrementar com algumas especiarias, mas você pode dar o seu toque de chef conforme seu paladar!)

Azeite para grelhar

Vinho tinto seco

1 cebola grande cortada em cubinhos

2 dentes de alho bem picados

1 colher (sopa) de manteiga

1 colher (sopa) de açúcar mascavo

½ xícara (chá) de mostarda

½ xícara (chá) de caldo de carne (se for caseiro, fica ainda melhor! Em breve farei uma postagem sobre isso.)

½ xícara (chá) de shoyo (aproximadamente)

200g de creme de leite (opcional)

Modo de Preparo:

Tempere o filé mignon inteiro. Cuidado com a quantidade de sal, já que vamos utilizar shoyo no molho. É melhor você corrigir o tempero no final! Numa panela, aqueça o azeite e sele a carne, dourando todos os lados da peça. Utilize o vinho tinto seco para regar aos poucos, impedindo que a panela queime e, ao mesmo tempo, preservando o suco e o sabor do filé. Eu faço isso no fogo alto, para atingir o ponto ideal da carne, dourada por fora e beeeeeeeeem suculenta por dentro!

Desligue o fogo, retire o filé e fatie. Se até aqui você tiver feito tudo direitinho, a carne estará apenas rosada por dentro. Para muitos, parecerá mesmo crua. Mas, calma! Ela ainda vai terminar a cocção no molho. E, por favor, não jogue fora o sangue que por acaso escorrer nesta etapa. Isso é quase o ouro neste prato! Deixe reservado, juntamente com os filés.

Na mesma panela em que grelhou a carne, derreta a manteiga e doure a cebola e o alho. Acrescente o açúcar mascavo e mexa bem, dando uma caramelizada. Adicione a mostarda, o shoyo, o caldo de carne e mais um pouquinho do vinho tinto, que vai bem! Junte a carne fatiada e todo o suco que saiu dela. Corrija o tempero e deixe que os filés cozinhem neste molho, em fogo médio, por aproximadamente 10 minutos.

O creme de leite na finalização é opcional e vai depender do seu paladar. Ele dá uma textura mais aveludada e suave ao molho. Sem esse ingrediente, este filé já fica delicioso e o molho dá uma encorpada quando reduz. Você pode alterar as medidas sugeridas nesta receita também, conforme lhe agradar. Tem gente que gosta de mais mostarda, por exemplo. A dica é que você experimente e adicione mais daquilo que preferir. Eu faço tudo no olho, por isso, essas medidas são mais sugestivas do que exatas. Lembre-se: o segredo do tempero ideal está no carinho que você dispensa ao preparar o prato!

Esta receita serve muito bem 4 pessoas e combina perfeitamente com arroz branco, legumes cozidos no vapor e o que mais a sua imaginação mandar.

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757