Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Teatro Amazonas colore a capital do Amazonas (Foto: Divulgação)
teatroamazonas
O Super Destinos deste final de semana quer te levar para a terra dos bois garantido e caprichoso, a capital que possui um dos mais belos, charmosos e convidativos teatros do país, berço confluente dos rios Solimões e Negro, de povoados ribeirinhos, que possui um dos maiores portos flutuantes do planeta e porta de entrada da maior floresta tropical do globo. Em entrevista exclusiva à jornalista Luciana Maciel, da 730, o operador de viagens Leonardo Mendes conta o porque Manaus, a capital amazonense, é um dos destinos mais desejados do Brasil.

“Para quem quer conhecer a Amazônia, o melhor período é de janeiro a junho, com os rios cheios e muita vida selvagem. Para quem gosta de praia de rio, é recomendável de julho a novembro. No entanto, toda época é boa para se ver o Amazonas”

Segundo Leonardo Mendes, Manaus já é conhecida não apenas nacional, mas mundialmente, e o fluxo de turistas é alto o ano todo. “O número de turistas chega a ser de 50% brasileiros e 50% estrangeiros, gente de todos os cantos do Brasil e do mundo. O turista nacional gosta de ficar na cidade, é mais urbano. Já o estrangeiro gosta de ir para a selva, ficar pelo menos 5 dias conhecendo a floresta amazônica”, analisa.

Passeios diários com saída do hotel por volta das 9h da manhã para conhecer aldeias indígenas, o encontro magistral dos Rios Negro e Solimões, e a visita às cachoeiras de Presidente Figueiredo, a 100 quilômetros do município, fazem parte dos roteiros que a cidade oferece. Manaus é o 10º maior destino turístico do país e a 11ª mais populosa, com pouco mais de 2,5 milhões de habitantes.

De acordo com Leonardo Mendes, um dia na capital é o recomendado para conhecer o Teatro Amazonas, museus como o do Índio, o Mercado Municipal. “Um dia para conhecer a cidade é o suficiente, mas recomendo uma semana para conhecer a Amazônia”, pondera.

Tacacá, o sanduíche com Tucumã batizado de X-Caboquinho, queijos, peixes como o Tambaqui, o Tucunaré, que o operador garante os turistas não podem deixar de experimentar. “O assado de Tambaqui com farinha de mandioca e o Tucupi com arroz. Além disso, tem a caldeirada de Surubim”, afirma.

Ficou com água na boca e vontade de colocar o pé na estrada? Saiba mais deste Super Destino e ouça a entrevista na íntegra, que foi ao ar no programa Super Sábado deste final de semana. Bora?

Quer saber mais, acesse o site da agência Amazing Jungle Tours . 

 

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757